quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Reinaldo Azevedo no país dos petralhas

_

Está aí alguém a quem muito aprecio: jornalista graduado em letras, Reinaldo não é Paulo Francis - lê antes de sentenciar - mas, ao concluir, sustenta a mesma sinceridade e declara do que não gosta.¹

Lançou novo livro, O País dos PeTralhas, assombrando a matilha politicamente correta. Não o adquiri pois se trata de coletânea de artigos por mim já conhecidos, posto seu blog ser parte de minha nutrição diária - ademais, sou um direitista-entreguista-explorador-da-mais-valia deveras pobrezinho (hello! hello! Mi6, preciso de reajuste em meu soldo!). Minha biblioteca vive a crescer, mas o faz devagar e sempre.

Acima, uma rara abertura para nosso herói falar por si mesmo, através de corriqueiro brilhantismo. Fluido, perspicaz e com inigualável talento para a síntese, apresenta ao entrevistador Edney Silvestre, pela Globo News, um bom panorama do mundo com o qual temos trabalhado. Excelente oportunidade de caracterizar o palco desta peça. Um retrato para a posteridade.
______________________________
_
¹ Closed caption: é de Paulo Francis a folclórica "não li e não gostei".
_

Nenhum comentário: